Após votação polêmica, secretária de saúde não será convocada para esclarecer contratação de falsa médica pela PMS

por Admin publicado 14/04/2021 10h00, última modificação 14/04/2021 10h00
A pauta tratava da votação do requerimento de nº 238, que deveria oficializar a convocação da Secretária Municipal de Saúde de Santana, Ithiara Madureira.
Após votação polêmica, secretária de saúde não será convocada para esclarecer contratação de falsa médica pela PMS

Print da Sessão Virtual

Bastante aguardada pelos santanenses, a 14ª sessão ordinária da 9ª legislatura da Câmara Municipal de Santana (CMS), foi realizada nesta terça-feira (13), abordando na ordem do dia, pautas de interesse da coletividade, também trazendo a público, a postura de alguns vereadores até então desconhecida por muitos internautas, que acompanhavam ao vivo através de transmissão pelo Facebook.

Dentro das pautas que foram colocadas na ordem do dia, a que mereceu destaque, tratava da votação do requerimento de nº 238, que deveria oficializar a convocação da Secretária Municipal de Saúde de Santana, Ithiara Madureira, para prestar esclarecimentos sobre a contratação da senhora Samantha Valéria Souza da Costa, que vinha desempenhando a atividade médica de forma irregular no município.

 

Em inquérito da Polícia Civil, foi constatado que Samantha não tinha registro no Conselho Regional de Medicina do Amapá (CRM-AP) e estava atuando ilegalmente na profissão, em pleno período de pandemia da Covid-19, onde Santana registra o segundo maior número de mortes causadas pela doença no Amapá.

 

Tratado em caráter de urgência, o requerimento entrou na pauta, onde após posicionamentos acalorados e a nítida falta de respeito, para com a figura feminina da Presidente da Câmara, vereadora Elma Garcia, a votação teve continuidade e definiu o resultado. O requerimento foi reprovado por 8 votos, diante de 7 votos a favor.

 

O requerimento foi assinado no 8 de abril, a pedido de oito vereadores: Carmen Queiroz (PP), Marco Aurélio (Avante), Mario Brandão (PL), Angelo Santos (PTB), Luiz Otávio (Cidadania), Luizinho de Santana (Republicanos), Adelson Rocha (PCdoB) e a presidente do Poder Legislativo, vereadora Elma Garcia (DEM).

 

Porém, na hora da votação durante a sessão, o vereador Luiz Otávio mudou seu voto, causando espanto e surpresa em seus pares, indicando ser contra a convocação da Secretária.

 

Portanto, a secretária de Saúde de Santana, Ithiara Madureira, não vai ter que prestar esclarecimentos na próxima quinta-feira, 15, durante a 15ª sessão ordinária, sobre a falsa médica, que foi contratada pela Prefeitura Municipal de Santana (PMS).